Tradição e arte… nos telhados do Porto Santo

Remate de telhado no Mercado Velho, na Rua Zarco

Todos nós já ouvimos, talvez mais do que uma vez, a expressão: “cabeça no ar!”. Uma forma simpática para chamar à atenção dos mais distraídos. Mas a verdade é que na nossa Ilha há mesmo cabeças no ar! São remates de telhado.

Já restam poucos. São, aliás, cada vez mais raros os exemplares. Cada vez menos, a assinalar o remate dos telhados nas casas tradicionais do Porto Santo – as cabeças de menino. Uma tradição, um testemunho secular da fé ou crendice popular.

De acordo com o Museu Etnográfico da Madeira (MEM), “estes elementos têm as suas raízes em superstições e presságios, sinais de cultos pagãos, que tinham como função espantar o efeito maléfico dos seres sobrenaturais, funcionando como figuras protetoras do lar e das pessoas que nele habitavam.”

A cabeça de menino era um dos remates mais frequentes

Um testemunho que já inspirou estudos e criações literárias ““Uma casa madeirense não dispensa no assento da sua cobertura uma robusta chaminé e um multifacetado remate de telhado em forma de gato, cão, pomba, planta ou, simplesmente, cabeças de menino, gente, com e sem chapéu”, como escreve Élvio Sousa, na fábula O Gato e a Chaminé.

Muito populares nas casas construídas nos finais do século XIX e princípio do século XX, acabaram por cair em desuso, acompanhando a extinção das olarias tradicionais.

Remate de telhado com motivos vegetais

Testemunhos discretos da arquitetura popular madeirense, os remates de telhado exigem um cuidado especial, enquanto património da nossa Ilha. Mais um elemento do rico e variado património do Porto Santo.

Carlos Silva

Depois de uma viagem tranquila, mergulhado num mar de dúvidas, aportei a 2 de setembro de 1999, à Ilha do Porto Santo! À chegada, uma doce e quente onda de calor, qual afago de mulher amada, assaltou-me, até hoje! Do sucedido de então, até aos dias de hoje, guardo-o na memória; os sucessos, de hoje em diante, aqui ficam, para memória futura, da minha passagem pela Ilha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Next Post

IIº Festival Gastronómico dos Santo Populares

Sáb Mai 1 , 2021
A Associação Industrial Comercial e do Turismo do Porto Santo (AICTPS) está a preparar o IIº Festival Gastronómico. Pela voz do seu presidente, a Associação assume que “não podemos ficar de braços cruzados à espera de milagres. Contamos com todos vós para mais um acontecimento, que com toda a certeza […]