Terapia com cavalos vence Orçamento Participativo com 526 votos

Hipoterapia vence Orçamento Participativo

A proposta vencedora do Orçamento Participativo 2022, no Porto Santo, foi a EquINclusão – Programa de Intervenção Terapêutica com Cavalos.

“A implementação de atividades terapêuticas, que usam o cavalo em áreas como a saúde, a educação e a equitação a promoção do desenvolvimento biológico, psicológico e social em indivíduos com necessidades especiais, com melhoria das suas funções físicas, neurológicas e sensoriais.”, pode ler-se no sumário da proposta apresentada.

Apresentado por Sérgio Miguel Figueiredo da Silva, o projeto de inclusão social aposta na parceria com a Sociedade de Desenvolvimento do Porto Santo e o Centro Hípico. Com uma dotação de 93.936,00 euros, o projeto tem um prazo de 24 meses e recolheu 526 votos.

Em segundo lugar, com 449 votos ficou o projeto de recuperação do telhado e do piso do pavilhão do Sporting Clube do Porto Santo (SCPS). A infraestrutura desportiva onde semanalmente praticam desporto centenas de jovens porto-santenses apresentou a proposta Clube cá dentro – jogada verde (295.000.00)

No último lugar do pódio, com pouco mais de metade dos votos em relação ao segundo classificado ficou o projeto também na área do desporto Aquisição de viatura de transporte de passageiros (9 lugares) para Ginásio Clube Porto Santo (38.000.00).

Com menos 9 votos (231) ficou a proposta do CNPS, outro repetente nestas andanças, com um projeto de inclusão social no valor de 109.349,73 euros.

A Requalificação dos espaços exteriores da Escola Nossa Senhora da Conceição – Externato, na área da Educação recolheu 203 votos. A proposta está orçada em 180.000.00 euros.

A IIª edição do Orçamento Participativo da Madeira contou ainda com mais 10 propostas, três delas com apenas 1 voto. O orçamento disponível conta com apenas 350.000.00 euros disponíveis.

Carlos Silva

Depois de uma viagem tranquila, mergulhado num mar de dúvidas, aportei a 2 de setembro de 1999, à Ilha do Porto Santo! À chegada, uma doce e quente onda de calor, qual afago de mulher amada, assaltou-me, até hoje! Do sucedido de então, até aos dias de hoje, guardo-o na memória; os sucessos, de hoje em diante, aqui ficam, para memória futura, da minha passagem pela Ilha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Next Post

Insegurança na Creche preocupa mães porto-santenses

Seg Out 3 , 2022
O jornal digital A Ilha recebeu uma Carta Aberta dirigida às entidades, de um grupo de mães, que apontam situações de insegurança existente no Infantário “O Moinho”, que a seguir transcrevemos: CARTA ABERTA Porto Santo, 30 de setembro de 2022 Ex.mo Sr. Presidente do Governo Regional da Madeira, Dr. Miguel […]