Porto Santo XXI – Uma oposição fraca é sinónimo de um poder fraco

“Estamos à espera de que sejam outros a fazer aquilo que nós próprios devemos fazer.”

(artigo de opinião de Tiago Camacho)

No artigo desta semana, dou continuidade àquilo que venho falado nestes últimos tempos.

O fraco interesse por parte das pessoas em relação à Política faz com que no “mundo político” essa fraqueza seja evidenciada. Durante os anos, vivemos na esperança do aparecimento de novos líderes, capazes de construir algo diferente e mudar o rumo dos acontecimentos. Esperamos que sejam eles a mostrar um novo caminho, em busca de uma sociedade mais justa, igualitária e equitativa.

Esse é o erro.

Estamos à espera de que sejam outros a fazer aquilo que nós próprios devemos fazer.

“Nós somos aquilo que queremos ser”

Daí, vamos de encontro ao título do texto. A fraca oposição faz com que o governo também seja fraco (talvez um dos mais fracos que alguma vez existiram na Região). Por isso, temos um governo que toma as decisões olhando para o seu próprio umbigo e bem-estar, trata os cidadãos de forma diferenciada e põe em causa a sustentabilidade de toda uma Região. Tudo isso com uma cumplicidade quase total de uma oposição, que apenas manda algumas “bocas para o ar” e nada de mais.

A esperança numa mudança política, esfumou-se por completo, quando vimos que os “messias do novo mundo” estavam sim pactuando com os grupos que controlam o sistema e, por sua vez, tirando lucro/partido próprio dessas ligações.

Termino com um pensamento: Nós somos aquilo que queremos ser, não aquilo que querem que sejamos, quando percebermos verdadeiramente o sentido disso, seremos livres e fortes.

Carlos Silva

Depois de uma viagem tranquila, mergulhado num mar de dúvidas, aportei a 2 de setembro de 1999, à Ilha do Porto Santo! À chegada, uma doce e quente onda de calor, qual afago de mulher amada, assaltou-me, até hoje! Do sucedido de então, até aos dias de hoje, guardo-o na memória; os sucessos, de hoje em diante, aqui ficam, para memória futura, da minha passagem pela Ilha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Next Post

Vice-Presidência contrata 12

Qui Abr 1 , 2021
É a maior contratação, pública ou privada, dos últimos meses na Ilha. De uma só vez, o Gabinete da Vice-Presidência no Porto Santo (GVPPS) irá acolher doze novos funcionários, de acordo com o Jornal Oficial da Região, de ontem. Distribuídos por duas categorias: nove assistentes operacionais e três assistentes técnicos, […]