Porto Santo XXI – O regresso de um passado sempre presente e de olhos postos no futuro

“Agora é que vai ser! Porto Santo vai disparar para a prosperidade”

(artigo de opinião de Tiago Camacho)

E pronto. Estamos em março, daqui a dias, abril. O Lobo Marinho já voltou, o inverno já passou e o discurso tão aguardado regressa. “Agora é que vai ser! Porto Santo vai disparar para a prosperidade”.

São promessas, desejos, visões e certezas que, tal como nas equipas de futebol, este ano, seremos os campeões. Os anos passam e é sempre isto, só que depois lá para outubro/novembro o discurso muda “Talvez ainda não seja desta. Tivemos um dos melhores verões de sempre e para o ano é que vai ser”.

“Temos de estar contentes e agradecer aquilo que nos dão, e esperar pela boa vontade daqueles que sabem aquilo que nós precisamos.”

Andamos num círculo, ano após ano, e não saímos dele de maneira nenhuma. Constroem-se infraestruturas, fazem-se novos planos e traçamos novos objetivos, mas tudo se resumindo apenas a uma gestão dia-a-dia do nosso meio.

O resto? Bem, o resto o governo dá ou faz, quando achar que deve ser assim, ou então esperamos pela sorte na calha. Se fizermos um ruido assim meio audível, até que é capaz de acontecer um pouco mais depressa do que o suposto normal (10-20 anos). Esperar é a palavra de ordem. Temos de estar contentes e agradecer aquilo que nos dão, e esperar pela boa vontade daqueles que sabem aquilo que nós precisamos. Sim, eles sabem o que a população precisa. O restante são apenas caprichos.

Assim continua a saga do regresso ao futuro da nossa Ilha, até ao dia em que as pessoas acordem do “coma induzido” pelos nossos governantes.

Carlos Silva

Depois de uma viagem tranquila, mergulhado num mar de dúvidas, aportei a 2 de setembro de 1999, à Ilha do Porto Santo! À chegada, uma doce e quente onda de calor, qual afago de mulher amada, assaltou-me, até hoje! Do sucedido de então, até aos dias de hoje, guardo-o na memória; os sucessos, de hoje em diante, aqui ficam, para memória futura, da minha passagem pela Ilha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Next Post

A Ilha está às moscas

Qua Mar 24 , 2021
A Ilha foi invadida por moscas. Muitas delas verdes, enormes, às dezenas, estão por todo o lado, nas paredes, nos comedouros e bebedouros dos animais domésticos. O problema tem sido tema nas redes sociais, com os porto-santenses a oscilar entre a preocupação com a saúde pública e a ironia. Numa […]