E o pior aconteceu

O delegado de saúde recomenda cuidados redobrados. Crédito: Governo Regional

De acordo com o Diário de Notícias da Madeira, a Ilha do Porto Santo tem neste momento 15 casos ativos e 71 pessoas sob vigilância ativa.

O número recorde de casos deve-se, de acordo com o delegado de saúde local, ainda segundo aquele matutino, ao elevado número de contactos durante o período festivo que vivemos. As viagens ao Funchal terão estado na origem do foco de contágio.

As autoridades sanitárias recomendam restrições nos contactos e nas viagens à Madeira.

As medidas de confinamento impostas aos casos ativos ou sob suspeita vão desde já condicionar o arranque do novo período letivo, com vários alunos e professores limitados ao seu domicílio.

Carlos Silva

Depois de uma viagem tranquila, mergulhado num mar de dúvidas, aportei a 2 de setembro de 1999, à Ilha do Porto Santo! À chegada, uma doce e quente onda de calor, qual afago de mulher amada, assaltou-me, até hoje! Do sucedido de então, até aos dias de hoje, guardo-o na memória; os sucessos, de hoje em diante, aqui ficam, para memória futura, da minha passagem pela Ilha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Next Post

Ilha debaixo de alerta laranja

Dom Jan 3 , 2021
A Ilha do Porto Santo estará sob alerta laranja, devido ao mau tempo que se aproxima da Região Autónoma da Madeira. Segundo Instituto Português do Mar e a Atmosfera(IPMA), para amanhã, são esperados períodos de chuva ou aguaceiros fortes e acompanhados de trovoada. O vento soprará forte se sul/sueste com […]