Dora traz ondas ao Porto Santo

Ondas superiores a 4 metros atraíram os surfistas. Crédito: Álvaro Mendonça

Os efeitos da tempestade Dora já se fazem sentir na Ilha do Porto Santo. Sobretudo no mar. Aqui, as ondas, superiores a 4 metros, de acordo com o Instituto do Mar e da Atmosfera (IPMA), atraíram cerca de uma dezena de amantes do surf.

Equipados a rigor, com a temperatura da água a rondar os 20º, e de prancha debaixo do braço, foi vê-los percorrer o cais, no centro da baía, para aceder às ondas que se mantiveram constantes ao longo de toda a manhã.

Mas não foram apenas os surfistas que se deliciaram com o estado do mar, a simetria das ondas, aliado ao tempo limpo e ensolarado que se fez sentir, inspirou muitos fotógrafos a registarem o momento e, claro, inundar as redes sociais.

Ainda de acordo com a informação do IPMA, a ondulação irá manter-se até amanhã ao meio dia, diminuindo para os três metros de altura na tarde de domingo.

(Atualização) Devido à dimensão das ondas e por questões de segurança, o Serviço Municipal de Proteção Civil decidiu encerrar o acesso ao cais, ainda na tarde de sábado.

Carlos Silva

Depois de uma viagem tranquila, mergulhado num mar de dúvidas, aportei a 2 de setembro de 1999, à Ilha do Porto Santo! À chegada, uma doce e quente onda de calor, qual afago de mulher amada, assaltou-me, até hoje! Do sucedido de então, até aos dias de hoje, guardo-o na memória; os sucessos, de hoje em diante, aqui ficam, para memória futura, da minha passagem pela Ilha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Next Post

Quem cuida de ti, Porto Santo? (II)

Dom Dez 6 , 2020
Batatas! Caro leitor, hoje vamos falar sobre batatas. Sabias que o mais famoso tubérculo veio da América do Sul e chegou à Europa pela mão dos conquistadores, como planta ornamental dos jardins aristocratas. É verdade! A sua frondosa rama e as pequeninas florinhas brancas faziam as delícias das famílias endinheiradas […]