Animação em terra e no mar

Desfile das seleções nacionais, cerimónia de abertura

A animação toma conta da Ilha, esta semana.

Em terra e no mar, o Porto Santo vive por estes dias uma intensa atividade desportiva e cultural com dois eventos: o Campeonato do Mundo de Vídeo e de Fotografia Subaquática e o Festival Colombo.

Depois de meses de preparação eis que chegou o momento dos profissionais de vídeo e de fotografia subaquática mostrarem o seu valor. Com representações de países tão diversos como: a Dinamarca, a Noruega, o Kuwait ou a Turquia, entre muitos outros, os atletas desfilaram hoje no Largo do Pelourinho.

Numa cerimónia plena de cor e alegria, a lembrar o espírito olímpico, as delegações foram oficialmente apresentadas, esta tarde, na cerimónia de abertura. Amanhã, bem cedo, está previsto o primeiro mergulho de treino oficial. Estando previstos para quarta-feira os primeiros mergulhos oficiais de competição nos mares do Porto Santo.

Porto Santo prepara a chegada de Colombo

Em simultâneo, em terra, ultimam-se os preparativos para o Festival Colombo.

Bancas de mercar, instrumentos e bandeiras alusivas à época, enchem já as principais ruas do centro da cidade.

De 7 a 10 de Outubro, piratas, bailarinos, navegadores e comerciantes vão recriar a passagem de Cristóvão Colombo pela Ilha do Porto Santo.

Carlos Silva

Depois de uma viagem tranquila, mergulhado num mar de dúvidas, aportei a 2 de setembro de 1999, à Ilha do Porto Santo! À chegada, uma doce e quente onda de calor, qual afago de mulher amada, assaltou-me, até hoje! Do sucedido de então, até aos dias de hoje, guardo-o na memória; os sucessos, de hoje em diante, aqui ficam, para memória futura, da minha passagem pela Ilha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Next Post

Portosantense ou Porto-santense?

Dom Out 24 , 2021
Ver escrito que somos bons é sempre muito bom. Sobretudo, quando vemos o elogio expresso em letras garrafais, num cartaz gigante, ao pé da estrada! O peito enche-se de orgulho, sentimo-nos importantes, crescemos, crescemos… até que a dúvida se instala … há algo de errado no cartaz, algo não bate […]