A Obra de Raúl Chorão Ramalho no Arquipélago da Madeira

A obra de Chorão Ramalho dá o mote às “Conversas” promovidas pela Porta 33

Tomamos emprestado o título da obra escrita por Emanuel G. de Freitas para recordar a iniciativa da Porta 33, amanhã, na Escola da Vila.

A Associação Cultural promove “Conversas” uma oportunidade para ouvir e partilhar ideias com especialistas das mais diversas áreas, com o foco na obra do arquiteto Raúl Chorão Ramalho. Nas duas conversas destaque para a leitura da memória, transição e potência da Escola do Porto Santo, projetada precisamente por Chorão Ramalho.

Com obra espalhada pelo mundo, Chorão Ramalho (1914-2002) deixou também a sua marca no Arquipélago da Madeira, nomeadamente no edifício da Assembleia Legislativa Regional. Na ilha do Porto Santo o destaque vai para a Escola da Vila, mas também a Alameda Infante D. Henrique, os balneários da Fontinha, a Central Elétrica ou a Adega Experimental.

Carlos Silva

Depois de uma viagem tranquila, mergulhado num mar de dúvidas, aportei a 2 de setembro de 1999, à Ilha do Porto Santo! À chegada, uma doce e quente onda de calor, qual afago de mulher amada, assaltou-me, até hoje! Do sucedido de então, até aos dias de hoje, guardo-o na memória; os sucessos, de hoje em diante, aqui ficam, para memória futura, da minha passagem pela Ilha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Next Post

SCPS é campeão regional de futsal

Dom Jun 27 , 2021
A equipa de juvenis do Sporting Clube do Porto Santo (SCPS) sagrou-se, hoje, campeã de futsal. Num jogo intenso, contra um adversário dificílimo, a equipa da Ilha acabou por levar a melhor, pela margem mínima, ao vencer o encontro por duas bolas a uma. Parabéns aos atletas, à equipa técnica […]