A noite mais longa

A noite mais longa, a tradição cristã e os ritos pagãos

Sói dizer-se que hoje é a noite mais longa , no Porto Santo. Aqui e em tantos outros lugares onde se celebra o São João.

Ao longo dos tempos, associou-se essa ideia de noite longa aos festejos e aos foliões que de martelo em punho, com manjericos ou à volta da fogueira se divertiam até ao amanhecer. E, de facto, existe uma ligação profunda à duração da noite, não apenas relacionada com os divertimentos das festas joaninas, mas mais antigo, ligado aos ritos pagãos. A festa pagã ligada à fertilidade e à abundância foi adaptada a uma celebração católica, tendo como santo padroeiro São João Batista, o percursor. A data desta festividade, assinala, também, por seu turno um evento astronómico único – o solstício de verão, quando o sol atinge a maior declinação em latitude, marcada a partir da linha do Equador. Curiosamente, o momento que assinala o dia mais longo do ano que, em 2022, ocorreu a 21 de junho.

Na verdade, de dia ou de noite, de norte a sul de Portugal, há muitos dias que se assinala o São João e cujas festividades têm o seu ponto alto, hoje, comas marchas e, eventualmente, o saltar da fogueira.

Bom São João!

Carlos Silva

Depois de uma viagem tranquila, mergulhado num mar de dúvidas, aportei a 2 de setembro de 1999, à Ilha do Porto Santo! À chegada, uma doce e quente onda de calor, qual afago de mulher amada, assaltou-me, até hoje! Do sucedido de então, até aos dias de hoje, guardo-o na memória; os sucessos, de hoje em diante, aqui ficam, para memória futura, da minha passagem pela Ilha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Next Post

Festas do Concelho continuam

Sex Jun 24 , 2022
Muita cor e muita música marcaram o dia de ontem na Ilha. Depois do desfile das quatro marchas pelas ruas da cidade, os populares foram presenteados com um espetáculo de fogo de artifício que deixou toda a gente de cabeça no ar. Na noite mais longa do ano, milhares de […]